Acessibilidade Destaque home menor Educação Empregabilidade Inclusão Social Notícias Tecnologia

Recife recebe Encontro Nacional de Profissionais de TI com Deficiência Visual

por Renato Mota em INOVAÇÃO

ENTIDV

ENTIDV

 

Um dos maiores triunfos da tecnologia é a possibilidade de fazer com que pessoas com diversos tipos de deficiências possam integrar o mercado de trabalho e, com talento e autonomia, conquistar seus sonhos. E desenvolvendo novas soluções e ferramentas, as empresas de tecnologia podem ajudar ainda mais nessa integração.

Para juntar os dois lados dessa campanha, acontecerá nos próximos dias 15 e 16 (sexta e sábado) o Encontro Nacional de Profissionais de TI com Deficiência Visual (ENTIDV). O evento será realizado no novo prédio do Porto Digital, localizado na Rua do Apolo, 235, com entrada pela Rua do Observatório.

Apesar do nome do evento, que é gratuito, a proposta é que o encontro seja um momento de interação entre as empresas de tecnologia e pessoas com deficiência (PCD) de forma mais ampla. Serão palestras e mesas redondas que tratam de temas como o processo de seleção inclusivo, a integração de PCDs nas empresas, além de relatos e experiências propositivas.

A palestra de abertura, “Qualificar para Incluir”, será ministrada por Virgínia Chalegre, da t-access, empresa promotora do ENTIDV junto com a Superactive e a AnnuitWalk. “Temos um objetivo amplo com esse encontro: esperamos gerar a consciência nas empresas de que, a partir de um processo de seleção inclusivo, é possível contratar profissionais qualificados para trabalhar em qualquer função”, explica Chalegre.

A Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), a HumanizaRH e empresas que possuem políticas e práticas bem definidas, como a Superactive, AnnuitWalk e a ThoghtWorks, também participarão do evento.

O evento também terá espaço para promover o encontro de pessoas com deficiência, sejam elas já absorvidas no mercado de trabalho ou interessadas em novas tecnologias, como Inteligência Artificial e Arduino. As palestras e oficinas serão o foco do segundo dia, com aulas ministradas por pessoas com deficiência como Manuela Torreão, que é surda e palestrará sobre como conciliar o desenvolvimento e o teste de softwares.

“Quero dividir minha experiência no desenvolvimento e teste e também falar sobre como trabalhar com a pessoa surda, pois, apesar das tecnologias que facilitam a interação, é comum que as metodologias recaiam no erro comum de se voltarem para o pensamento visual e não o verbal”, comenta a palestrante.

Inscrições e mais informações podem ser encontradas no site oficial do evento.

Fonte: http://blogs.ne10.uol.com.br/mundobit/2017/09/14/recife-recebe-encontro-nacional-de-profissionais-de-ti-com-deficiencia-visual/ (Acesso em: 15/09/2017)