Acessibilidade Destaque Educação Empregabilidade Inclusão Social Notícias

Projeto pioneiro de ELEVAÇÃO EDUCACIONAL

O Centro de Integração Empresa Escola (CIEE) se une à Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida (SMPED) de São Paulo e ao Ministério Público do Trabalho (MPT) para uma ação pioneira que poderá ser multiplicada pelo País. Juntos, irão incentivar a elevação educacional e inclusão socioprofissional de pessoas com deficiência.

O projeto abarca o mapeamento de universitários PcD e a criação de uma bolsa de estudo exclusiva com duração de um ano, que culminará na contratação dos jovens para estagiar na prefeitura de São Paulo. “Quanto mais diversidade tiver a administração pública, melhores serão as políticas formuladas”, defendeu Paulo Uebel, secretário municipal de gestão. A prefeitura paulista está criando estratégias a fim de subir para 10% o índice de estagiários com deficiência, atendendo assim a recomendação da Lei do Estágio (nº 11.788/00).

O evento de lançamento da parceria –  realizado em dezembro, no auditório do CIEE, na capital paulista – reuniu gestores da entidade, representantes de organizações especializadas e autoridades competentes. Luiz Gustavo Coppola, superintendente nacional de atendimento do CIEE, confirmou: “Uma vez que os jovens com deficiência ganham uma oportunidade de mostrar e desenvolver seu potencial no mercado de trabalho, devolvem isso em produtividade”. Em seu pronunciamento, Marinalva Cruz, secretária adjunta da pessoa com deficiência e mobilidade reduzida, desconstruiu o mito de que as pessoas com deficiência têm dificuldade em conquistar uma vaga por falta de qualificação. “O argumento não se sustenta na prática. O maior problema é que os empresários olham para uma PcD e só veem, por exemplo, uma cadeira de rodas.”

Marcos Santana, coordenador do trabalho da Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), participou do encontro, ao lado das procuradoras do trabalho Valdirene Silva (federal) e Elisiane dos Santos (estadual) que estudarão formas de ampliar nacionalmente a abrangência do programa.

APRENDIZ DE DESTAQUE

Silas Santos de Souza, 19 anos, exemplifica bem a mudança que uma oportunidade pode trazer à vida de um jovem com deficiência. Complicações de um parto prematuro afetaram sua capacidade de locomoção e hoje precisa do auxílio de uma cadeira de rodas, mas isso não o impediu de lutar pelo seu sonho de conquistar a autonomia: foi contratado como aprendiz por intermédio do CIEE. Além das atividades práticas, o programa prevê uma série de encontros voltados à reflexão sobre identidade, protagonismo e cidadania, bem como conhecimentos técnicos básicos ligados à área de atuação. Ele mesmo conta sua história em um vídeo que pode ser visto pelo link vimeo.com/248321766.

Silas e sua mãe Libenir Souza durante gravação do vídeo em que conta como a aprendizagem mudou sua vida – Foto: Divulgação

Valdirene Silva, Paulo Uebel, Marinalva Cruz, Luiz Gustavo Coppola e Marcos Santana (esquerda para direita) – Foto: Servfoto

Para mais informações sobre como participar do programa INCLUI, acesse o site: www.ciee.org.br

E-mail: inclui@ciee.org.br  Tel.: (11) 3040-4516

 

 

Por: André Luiz Rafaini Lopes
Fonte: Redação

Receba as edições impressas da Revista PCD na sua casa!

Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro das novidades!

Quer receber as novidades sobre o universo PCD no seu e-mail? Cadastre-se abaixo: