null
Destaque Empregabilidade Notícias

Prefeitura de Jundiaí/SP cria site de empregos para pessoas com deficiência

Com objetivo de gerar empregabilidade, a Prefeitura de Jundiaí, por meio da Companhia de Informática de Jundiaí (Cijun), coloca no ar um site exclusivo para pessoas com deficiência que estão em busca de um emprego. A ideia é aproximar candidato e empregador.  De acordo com o diretor e presidente da Cijun, Amauri Marquezi de Luca, o portal vai reunir as informações das pessoas com deficiência que buscam uma vaga se cadastrarem.

Ele salienta que esse cadastro será utilizado pela Assessoria de Políticas para Pessoas com Deficiência, com foco na empregabilidade, contando com apoio de empresas que desejam contratar profissionais dentro deste perfil.  “O site terá acessibilidade para pessoas com deficiência. Um exemplo disso ocorrerá com o mecanismo em linguagem de Libras (língua brasileira de sinais)”, destaca o diretor da Cijun.

Além disso, o portal trará informações sobre vagas de estacionamento e um mapa detalhando a distribuição de pessoas com algum tipo de deficiência pelos bairros da cidade. “O site também terá legislações relacionadas sobre o tema.”  O investimento para a criação do site é da própria Cijun, girando em torno de R$ 30 mil. “O lançamento do portal será no dia 24 de setembro, mas ainda não temos o local e horário.

O endereço do site também será divulgado neste dia”, explica. A presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência, Ivanilde Oliveira de Jesus, aprova a iniciativa. “A criação desse site é extremamente importante, pois as pessoas com deficiência nem sempre são lembradas pelas agências de emprego”, diz. Ivanilde lembra ainda que a cidade contará com um Fórum de Empregabilidade, que ocorrerá justamente no dia 24 de setembro, às 8h, na Unip. “O evento abordará a empregabilidade para pessoas com deficiência”, destaca.

Mercado
Diretora executiva da Apae Jundiaí, Suely Angelotti ressalta que atualmente 26 assistidos da entidade têm perfil para atuar no mercado de trabalho. Entre eles, Richard Marcon Lourenço, de 27 anos, que tem deficiência intelectual. Segundo a mãe de Richard, Cristiane, a iniciativa de um site para aproximar o deficiente das empresas é vista com bons olhos.

“É uma boa alternativa, pois muitos deficientes, assim como o meu filho, têm o desejo e condição de trabalhar, respeitando os seus limites, mas não têm oportunidade”, opina. Cristiane afirma que seu filho frequenta um curso no Senac, uma parceria com a Apae, com ênfase justamente para a inclusão no mercado de trabalho, mas até agora não teve oportunidade.

Foto: Rui Carlos

 

 

Por: VINICIUS SCARTON
Fonte: http://www.jj.com.br/jundiai/prefeitura-cria-site-de-empregos-para-pessoas-com-deficiencia/

Receba as edições impressas da Revista PCD na sua casa!

Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro das novidades!

Quer receber as novidades sobre o universo PCD no seu e-mail? Cadastre-se abaixo: